Preparação para uma gravidez saudável



Um novo ano está começando e com ele surge uma infinita lista de metas e desejos para 2016. É certo que muitos casais aproveitam esse momento de renovação e mudança para fazer uma encomenda à cegonha. O que muitos não sabem, é sobre a importância de visitar um médico pelo menos três meses antes de tentar engravidar: um profissional de saúde poderá auxiliar desde o início do processo, avaliando a saúde dos futuros pais e garantindo uma gestação saudável para a mãe e o bebê.

Na consulta médica, o obstetra fará uma avaliação da saúde da mulher, que pode incluir exames de sangue juntamente à tipagem sanguínea, exames sorológicos (para HIV, toxoplasmose, sífilis e Hepatite B), urina, exame de mama e exame ginecológico. Além disso, também é importante mencionar quadros de diabetes, hipertensão, epilepsia ou depressão. Caso você ainda não tenha parado de utilizar métodos contraceptivos como pílula ou injeção, o médico irá indicar a melhor forma de fazê-lo, visto que é importante reestabelecer o ciclo natural do corpo. Além disso, alguns médicos consideram importante que o futuro pai faça um espermograma (para avaliar a saúde reprodutiva) e também a rotina de sangue e exames sorológicos. Também é importante informar ao médico algum histórico de má formação genética na família do casal, pois o obstetra poderá pedir exames genéticos específicos.

Além da visita ao médico juntamente aos exames de prevenção e rotina, é importante que a futura mamãe tome alguns cuidados específicos:

- Suplementação de ácido fólico: geralmente, os obstetras indicam que as mulheres comecem a tomar ácido fólico antes mesmo de estarem grávidas. Ele serve para evitar problemas de formação no tubo neural do bebê, que começa a se formar logo no início da gestação. Mas lembre-se: não utilize nenhum medicamento sem a prescrição de seu médico.

- Parar de fumar, beber ou consumir drogas: atualmente existem diversos estudos científicos que comprovam os malefícios do uso de drogas durante a gestação. Por isso, é importante que a mulher recorra à ajuda profissional para abandonar esses hábitos, que podem trazer sérios riscos à sua saúde e do bebê.

- Verificar o cartão de vacinas: para garantir uma gravidez saudável, é importante que a futura mamãe esteja com o cartão de vacinas em dia. O exame de sangue é importante para identificar a necessidade da vacina de rubéola: após tomar a vacina, você deve esperar um mês para tentar engravidar, pois o organismo precisa de um tempo para eliminar o vírus que foi administrado via vacina. Além dessa, também é importante verificar a necessidade tomar a vacina antitetânica e contra Hepatite B.

- Prática de exercícios físicos e alimentação saudável: o exercício físico, se praticado antes da gravidez, auxilia na disposição da futura mamãe e atenua os efeitos do estresse, que aparecem nesse período. Além disso, manter o peso adequado é um fator positivo na hora de engravidar. Uma alimentação saudável, rica em frutas, verduras, cálcio e fibras também pode ajudar nesse período. Vale lembrar que a mamãe que se preocupa com sua alimentação antes mesmo de engravidar, pode ter mais facilidade de perder peso após o parto.

Nós da Munchkin queremos estar presentes nas pequenas coisas que fazem a relação entre os pais e o bebê ser cada vez mais intensa. Por isso, nesse mês de janeiro, nosso blog estará recheado de informações para as futuras mamães, com assuntos que vão desde o planejamento da gravidez até o dia de ir para a maternidade.

Fontes: BabyCenter | Ministério da Saúde

#engravidar #planejamento #suplementação #consultamédica #cuidados

0 visualização

© 2020 Munchkin - Sylink Baby Products. Importadora e distribuidora dos produtos Munchkin no Brasil. (11) 3559-8490