Você sabe o que é a depressão pós-parto?



Segundo pesquisa recente da Royal College of Midwives, do Reino Unido, cerca de 27% das mulheres com filhos de menos de 1 ano de idade passaram por algum tipo de tratamento para a depressão pós-parto. Mas afinal de contas, do que se trata a depressão pós-parto?

A depressão pós-parto deve ser diferenciada da melancolia conhecida como “baby blues”. Essa por sua vez, tem início poucos dias após o parto e provoca tristeza, preocupação e vontade de chorar, sintomas que tendem a desaparecer em questão de dias. Já a depressão pós-parto é bem mais séria, pois a mulher fica cada vez mais ansiosa.

Existem alguns sintomas bastante comuns na depressão pós-parto. Mas é importante ressaltar que apresentar algum deles em um momento ou outro não é sinônimo da doença, pois a maternidade é uma fase cheia de altos e baixos. Caso você apresente alguns dos sintomas abaixo com frequência, comente com o seu médico.

- Tristeza constante, principalmente na parte da manhã e/ou noite.

- Sensação de culpa.

- Irritabilidade e falta de paciência com parceiro e filhos.

- Choro