Limite das tecnologias durante a infância



Em um mundo cada vez mais conectado, fica difícil não expor a criança à tecnologia e aparelhos eletrônicos. Mas você sabia que essa relação pode ser benéfica, desde que feita da maneira adequada?

O ideal é que os pais limitem o tempo de uso das tecnologias e estejam ao lado da criança quando estiverem utilizando tablets, celulares e computadores. Mas vale lembrar: segundo a Academia Americana de Pediatria não é recomendado que crianças menores de 1 ano sejam expostas à essas telas, visto que nessa idade os pequenos precisam de estímulo à socialização e ao desenvolvimento da capacidade motora. Além disso, estudos mostram que bebês não possuem habilidade física para interagir com equipamentos eletrônicos, pois até o primeiro ano de idade, eles ainda estão formando sua habilidade física e aprimorando a visão.

Quando você decidir deixar o seu filho começar a utilizar as tecnologias, lembre-se de controlar o tempo. 15 ou 20 minutos são mais que suficientes para bebês de 1 a 2 anos. Por volta dos 3 ou 4 anos você pode aumentar o tempo para até no máximo duas horas por dia, considerando computador, televisão, celular ou qualquer outro tipo de dispositivo tecnológico. Períodos mais longos podem fazer com que a criança deixe de lado outras atividades importantes como dormir, comer, brincar e conversar.

Esteja sempre ao lado da criança enquanto ela utiliza essas tecnologias. Dessa forma, vocês poderão conversar sobre o que estão vendo e explicar o que pode ou não ser feito durante o uso do dispositivo. É interessante escolher atividades educativas que contribuam no desenvolvimento da criança, já que hoje em dia existem diversos sites e aplicativos voltados para este fim.

Caso aconteça de forma ponderada e sensata, o uso das tecnologias pode ser um aliado no ensino e desenvolvimento infantil. Mas vale lembrar que são os pais que devem avaliar se isso está ou não de acordo com os valores da família.

Fique de olho no blog, pois nós da Munchkin queremos estar sempre presentes nos momentos que fazem a relação entre os pais e o bebê ser cada vez mais intensa. Para a Munchkin, detalhes fazem diferença.

Fontes: Sociedade Mineira de Pediatria | BabyCenter

#tecnologia #aprendizagem #desenvolvimento #educação

16 visualizações

© 2020 Munchkin - Sylink Baby Products. Importadora e distribuidora dos produtos Munchkin no Brasil.