A importância da figura paterna no desenvolvimento infantil



A conexão entre mãe e filho é estabelecida desde o início da gestação e fortalecida na amamentação. Mas tão importante quanto uma relação forte com a mãe, é a presença da figura paterna. Além de estabelecer limites, o pai é a primeira pessoa que mostra à criança que ela pode confiar em mais alguém além da mãe. Dessa forma, os pequenos começam a encarar o mundo e se entrosar socialmente.

Hoje em dia muitas mulheres assumem as responsabilidades com os filhos e as desempenham com valentia. Porém em alguns casos, os filhos se tornam mais fechados e medrosos, o que pode refletir na adolescência e vida adulta.

A presença da figura paterna na criação dos filhos é de extrema importância, pois o ser humano precisa de mais alguém além da mãe para se espelhar. Nesse caso, o pai contribui para a introdução da criança no mundo das diferenças, nos âmbitos social e sexual, favorecendo a construção de relacionamentos.

Nem sempre os pais criam os filhos juntos, mas o importante é fazer com que a criança se sinta segura em diferentes situações.

1. Morte, mudança de cidade ou qualquer