© 2020 Munchkin - Sylink Baby Products. Importadora e distribuidora dos produtos Munchkin no Brasil. (11) 3559-8490

Agenda médica durante a gestação



Apesar de mágico, o momento da descoberta da gestação traz muitas dúvidas e anseios principalmente aos pais de primeira viagem. Hoje, vamos te contar tudo o que você precisa saber sobre as consultas de pré-natal e os exames mais comuns que são feitos ao longo dos nove meses de espera.

Durante o pré-natal, a mulher é acompanhada por um médico obstetra, que é responsável pelo histórico de saúde nessa fase. Esse acompanhamento frequente e minucioso é importante para que a saúde da mãe e do bebê esteja sempre em dia e, em caso de algum problema, agir enquanto é tempo.

- Primeiros meses: nas primeiras consultas o médico precisa fazer um levantamento de saúde e provavelmente, recomendará a suplementação com ácido fólico, que evita anemia e previne malformações fetais. Nessa época as mulheres fazem o ultrassom para verificar a idade gestacional e eliminar a hipótese de gravidez ectópica (fora do útero), e também exames de sangue, tipagem sanguínea, sorologias e urina.

- Entre a 11º e 14º semana: nesse período, o médico irá acompanhar a pressão arterial para descartar riscos de hipertensão ou pré-eclâmpsia, além de acompanhar o peso, escutar os batimentos cardíacos do bebê e certificar-se que a altura uterina está compatível com a fase da gestação. É feito o ultrassom morfológico com translucência nucal para rastrear doenças genéticas ou malformações.

- 16º semana: geralmente é nessa fase que o médico entra com suplementação de ferro, que será tomado até o final da gestação pra prevenir anemia e consequências como parto prematuro e baixo peso do bebê. Também é feito um ultrassom morfológico, desta vez para verificar a placenta e saber o sexo da criança.

- Entre a 20º e 24º semana: nesse período o médico começa a se atentar a presença de edemas no corpo da gestante, pois o excesso deles pode indicar pré-eclâmpsia. É realizado um novo ultrassom morfológico para acompanhar o crescimento do bebê e o desenvolvimento dos órgãos, além de exames de urina (infecções urinárias frequentes podem causar parto prematuro) e teste de tolerância à glicose (diagnostica a diabetes gestacional).

- Entre a 28º e 32º semana: é nessa fase que o ultrassom com doppler é realizado para avaliar o fluxo sanguíneo das veias uterinas, no cordão umbilical e na artéria cerebral do bebê.

- Entre 33º e 35º semanas: esse é o período que as consultas devem ocorrer a cada 15 dias. A partir daí, são feitos exames de secreção do colo do útero, para investigar clamídia, micoplasma e estreptococo, bactérias que podem romper a bolsa e infectar o bebê.

- A partir da 36º semana: agora, as consultas acontecem semanalmente, pois o obstetra precisa verificar o nível de dilatação e se preparar para a hora do parto.

Fique de olho no blog, pois nós da Munchkin queremos estar sempre presentes nos momentos que fazem a relação entre os pais e o bebê ser cada vez mais intensa. Para a Munchkin, detalhes fazem diferença.

Fontes: Nestle Bebê | Cláudia

#desenvolvimento #gestação #cuidados #prénatal #consultamédica #momentodemudança

56 visualizações