Gagueira Infantil



Nos primeiros meses de fala é comum que as crianças produzam sons que não compreendemos muito bem, mas com o desenvolvimento elas aprendem a transformar pensamentos em sons que sejam compreendidos pelos adultos. Nessa fase elas podem repetir expressões como “ei, ei, ei, mamãe” ou repetir as primeiras letras das palavras “como u-u-uva”, não sendo, necessariamente um quadro de gagueira.

Isso se dá porque ao tentarem se expressar muitas das vezes elas não conseguem acompanhar com rapidez os estímulos externos (uma pergunta que fazemos a elas, por exemplo), seus pensamentos e a ação de falar.

O recomendado é que se dê o espaço necessário para a criança sem pressioná-la: Fale pausadamente; Mostre que você está disposto(a) a ouvi-lo(a); Não complete o raciocínio da criança; Dê autonomia para ele(a), mostrando que o(a) apoia. Essas dicas ajudam os pequenos a se sentirem mais confiantes e transmitem o sentimento de que eles possuem o tempo necessário para organizar as ideias e assim, expressar de forma cada vez mais inteligível com a sociedade.

Até aproximadamente os três anos de idade é normal que isso aconteça. No entanto, se os pais constatarem que a dicção da criança não melhora com o tempo ou a fala vem acompanhada de movimentos corporais ou faciais involuntários, é hora de procurar aconselhamento médico.

A gagueira infantil atinge cerca de 5% das crianças, sendo mais comum em meninos. Acredita-se que ela vem de uma tendência genética e se não houver recuperação espontânea, pode se tornar crônica. Existem tratamentos com fonoaudiólogos que variam de acordo com cada caso, criando estratégias que propiciam uma maior suavidade e continuidade na fala.

Para esses casos, valem as recomendações do terceiro parágrafo desse texto; não interromper a fala da criança e buscar criar uma rede de apoio em casa, na família e na escola, mostrando que a ama, além de falar que a aceita como ela é.

Fique de olho no blog, pois nós da Munchkin queremos estar sempre presentes nos momentos que fazem a relação entre os pais e o bebê ser cada vez mais intensa. Para a Munchkin, detalhes fazem diferença.

Fontes: Baby Center; Bebê (Abril); A Revista da Mulher, e; Instituto Brasileiro de Fluência.

#gagueira #desenvolvimento #fala #oratória #saúde #crescer

22 visualizações

© 2020 Munchkin - Sylink Baby Products. Importadora e distribuidora dos produtos Munchkin no Brasil.