top of page

Benefícios do pilates na gestação


Ao descobrir a gestação, muitas mulheres questionam sobre a liberação para a prática de atividades físicas. Exceto em casos específicos, a movimentação do corpo durante essa fase traz diversos benefícios, como a prevenção de diabetes gestacional e pré-eclâmpsia, a hipertensão arterial na gravidez. Além disso, exercitar-se de maneira correta aumenta as chances de um parto normal.


Bastante recomendado pelos médicos, o pilates é uma prática que reúne flexibilidade, força, consciência corporal, relaxamento e respiração, fortalecendo os músculos abdominais e pélvicos, que podem se enfraquecer ao longo da gestação, também pode ajudar a aliviar as dores nas costas, que tendem a aparecer em períodos próximos ao parto.


Mas fique atenta: evite algumas posições da modalidade a partir do meio da gestação. Ficar de bruços ou deitada com a barriga pra cima não é recomendado. Hoje em dia, existem turmas de pilates voltadas para gestantes, onde o instrutor saberá exatamente o que você pode ou não praticar.


Caso perceba sangramento vaginal, visão embaçada, náusea, tontura, falta de ar, aumento no inchaço e fortes dores no abdome ou peito, pare de se exercitar e procure ajuda médica.


Fique de olho no blog, pois nós da Munchkin queremos estar sempre presentes nos momentos que fazem a relação entre os pais e o bebê ser cada vez mais intensa. Para a Munchkin, os detalhes fazem diferença.



Fontes: Revista Crescer | BabyCenter


21 visualizações

Kommentare


bottom of page