top of page

Como a tecnologia tem mudado o desenvolvimento motor das crianças?


Criança pequena sentada no sofá assistindo vídeo no tablet

Com as tecnologias, a realidade da vida moderna mudou rapidamente nos últimos anos. As brincadeiras deram lugar aos dispositivos com tela e aos "videozinhos" tão amados pelos pequenos. Apesar do contato com as telas só ser recomendado a partir dos dois anos para que não prejudique a visão dos pequenos (assista ao vídeo explicativo aqui), outro ponto que tem chamado a atenção dos especialistas é o desenvolvimento motor das nossas crianças.


Isso porque elas têm deixado de se movimentar e desenvolver sua psicomotricidade (desenvolvimento motor, relacionado ao desenvolvimento mental). Neste sentido, temos os chamados de "movimentos finos", que são aqueles que possibilitam o movimento das mãos. Ações como bater palminhas, apertar, recortar, pintar e desenhar estão intrinsecamente relacionadas à ação das mãos.


A ausência de atividades que trabalham o desenvolvimento motor está colaborando para que as crianças não tenham domínio sobre o próprio corpo. É observado dificuldades em movimentos simples, como pegar, apertar e manipular objetos, atividades necessárias, por exemplo, para uma boa escrita e, que, quando não é bem trabalhada, pode afetar também o desenvolvimento escolar.


Incentive brincadeiras no parquinho, pular amarelinha, desafios de obstáculos, jogos e esportes, além de atividades que estimulam a coordenação motora fina:


- Brincar de massinha


- Fazer recortes e dobraduras de papel


- Colagens com barbantes


- Pinturas a lápis, pincel ou até mesmo esponjas


Gostou das dicas? Fique sempre de olho no Blog da Munchkin, pois para nós é muito importante trazer conteúdos de relevância para a sua família. Acreditamos que são os pequenos hábitos que realmente fazem a diferença e queremos contribuir para uma relação cada vez mais saudável e intensa entre pais e filhos.


37 visualizações
bottom of page